Cabra Cega - Sheila Ribeiro Mendonça

Uma noite de insônia pode ser a perdição de muita gente, principalmente para aqueles que a tem todos os dias. O que não é o meu caso! Mas nessa madrugada especialmente, a dona insônia veio me fazer companhia, juntamente com um calor daqueles (o nosso querido Janeiro). Foi então que pensei: rolar pela cama, olhar para o teto, ver o visor do celular passando os minutos, e inclusive as horas em uma velocidade que faria inveja ao The Flash. Pois bem, tratei de ter uma noite de insônia produtiva, peguei o celular e fui ler Cabra Cega. 

Eu tenho a versão impressa, autografada pela autora,e que já vai chegar repaginado em breve, em uma nova edição, a simpática Sheila (nem a conheço ainda pessoalmente, apesar de ter ficado bem próxima à ela, lá em 2011, quando passei férias no Rio de Janeiro). Porém, no quarto e em plena insônia, lancei mão da modernidade, e fui ler a versão em e-book que você pode adquirir na Amazon.

Meu livro :)



Olha a dedicatória e o autógrafo ;)

Sinopse:

Clara e Gustavo se conhecem em um clube de Curitiba quando ela estava pensando em viajar, antes de começar a faculdade, e então se apaixonam e casam. Assim, a vida de Clara muda rapidamente. A mudança é radical, pois Gustavo se revela um homem agressivo, ciumento, possessivo, violento, ardiloso e perspicaz, com isso transformando a vida dela numa constante surpresa e esconde-esconde. Não somente de comportamentos, como também de cidades. Com o intuito de não criar laços com ninguém e, principalmente, de não deixar que a família de Clara saiba onde ela está, você vai acompanhar Cabra Cega sem ter a certeza de até quando aquela cidade fará parte dos planos de Gustavo. Em Cabra Cega acompanhamos os escondidos.


A história é sobre Clara e Gustavo, um casal que se conhece em um clube e desse encontro surge um romance, até aí tudo bem, isso acontece todos os dias nos quatro cantos do mundo. Assim como também o que a protagonista sofre: a violência doméstica.

Para mim, foi uma grata surpresa, o texto de Sheila, de forma clara e bem estruturado, o texto nos leva a cada linha, a querer saber mais e mais do desenrolar dos fatos, e claro, na torcida por Clara.

Algo que acontece diariamente e que nos serve de alerta para que não vem a acontecer conosco ou com nossos entes queridos. É preciso dizer NÃO e seguir em frente.

Foi uma noite de insônia bem produtivo, li o texto em duas horas, e recomendo para homens, mulheres, a fim de provocar novas reflexões em um tema tão sério e recorrente em todos os noticiários.

Parabéns, Sheila, pelo texto! 

Por Letícia Alves



Comentários

She disse…
Opa! Adorei saber que meu filho te fez companhia em uma noite de insônia, querida, fico feliz que tenha gostado de meu trabalho. Muito obrigada pelo feedback. ;)
Beijo, beijo!
She

PS: Caramba! Que feio nunca mais tinha vindo aqui, vou aproveitar e navegar... :)
myra disse…
Nao soube onde colocar meu coment sobre Mandela entao vim aqui te dizer que gostei muito o que e como escreveu!
bjos
Não sabia que poderia se ir tão longe, nessa vertente do manipulador. Não conheço o livro, mas pelo que pude ler, pelo que aqui escreveu, é um relato sobre um Ardiloso Manipulador.

muito bem!!

Postagens mais visitadas deste blog

Rubem Alves Essencial : 300 pílulas de sabedoria

Histórias não (ou mal) contadas: Revoltas, Golpes e Revoluções no Brasil - Rodrigo Trespach

Fevereiro...