segunda-feira, 9 de julho de 2012

Noites & Manhãs... (I)



Era manhã,
O dia especial,
Que se tornaria,
Uma noite aguardada com ansiedade.




A noite chegou,
Um sorriso iluminado,
Um abraço apertado.


Uma hora, 
Um afago,
Um beijo,
Dois abraços.


Frio,


Coração batendo forte.


Madrugada inesperada...




E ela viveu dias perfeitos,
Intensos,
Aconchegantes.


E então....





Ele a tocou e a beijou,
Ele tremeu,
Ela suspirou,
Eles se abraçaram,
Era noite,
Igual àquela noite,
Que embalou dias especiais e
Coloridos.




A mesma noite,
Que anunciava,
Uma nova manhã,
Na qual ela partiu...


(a primeira parte, você lê, aqui)



Por Letícia Alves




Um comentário:

CE disse...

O tempo passa a ser incontável quando se sente especial, arrematado com emocoes inesquecíveis... né nao? :)