Um dia... dois dias... centenas...





Um dia após o outro, é assim que se diz que as coisas vão melhorar.
Ditado popular, um adágio de consolo? Não sei.
Um dia é bom, outro não é, a vida vai seguindo em caminhos e descaminhos.
Fortunas e desafortunas...
Pedaços de uma vida,
Sentidos desentendidos.
Tristezas e alegrias desmedidas.
Essa é a vida.


Mas por que certas coisas ocorrem fora do script?
Apenas por que não estavam escritas, e se estivessem, sempre tem uma borracha pra apagar os riscos do lápis da criação.
Criar ou recriar?
Começar ou recomeçar?
Perguntas em um fim de noite desagradável.
Mas o que é agradável?




Vidas cruzadas, entrecortadas, 
Caminhos e descaminhos de uma busca sem fim.




Por Letícia Alves

Comentários

Anônimo disse…
Desconhecia a existência deste teu outro blog, e adorei, simpática!
Beijinhos do lado de cá do "rio"
:)))

Postagens mais visitadas deste blog

Rubem Alves Essencial : 300 pílulas de sabedoria

Histórias não (ou mal) contadas: Revoltas, Golpes e Revoluções no Brasil - Rodrigo Trespach