sábado, 18 de dezembro de 2010

Saudade...


Ah, saudade, palavra exclusiva da língua portuguesa, mas presente em todos os momentos da nossa vida e em todas as pessoas. 
Não escolhe hora, estado civil, classe social...
Ela aparece de mansinho e tem horas que invade a alma, mas Bilac disse aí que,

“A saudade é a presença dos ausentes”

E sigo acreditando nisso!
E em alguns momentos que este ausente volte.....
E quem sabe volte?

Por Tempestade

7 comentários:

Menina no Sotão disse...

Saudade pra mim é alimento da alma. Bom demais fechar os olhos e rever na pele enternecida o silêncio do que se foi ou apenas passou por nós. Agora mesmo estou com saudades do final de ano de tempos idos, quando eu viajava para casa do nono e encontrava toda aquela gente que hoje é sinônimo de estranho. rs
Bacio carissima

Tatiana Kielberman disse...

Lindo, querida Letícia!

Saudade que promove, que desperta, que acalenta...

Saudade sem fim!

Beijos pra você!

Cansada de ser boazinha disse...

Saudades, realmente, todos temos. Eu tenho saudades da época em que tinha mais ilusões e realmente acreditava que eu poderia mudar o mundo. Hoje não acredito nem que possa mudar a minha vida!
Bjs!

Lua Nova disse...

Uma vez li em algum lugar que a saudade é a memória do coração...
Acho que é verdade. Às vezes, a cabeça já resolveu mas o coração se recusa a esquecer...
Já passei por isso e dói demais...
Um delicioso e feliz Natal e um ano de 2011 pleno de realizações.
Beijokas.

EU SOU NEGUINHA disse...

Doce Tempestade...
dê coração de Natal
Enfeite a arvore de sua vida
Com guirlandas de gratidão!
coloque no coração laços de cetim rosa,
Amarelo,azul,carmim.
Decore seu olhar com luzes brilhantes
Estendendo as cores em seu semblante.
Essa é a roupa para o Natal
(Cora Coralina)
Um Natal cheio de paz,amor e harmonia.
Beijos doces
Nega

C. disse...

Ainda nao conhecia essa definição... maravilhosa!

Cris Mitsue disse...

Também não conhecia essa definição, muito boa! Acho que é essencial cada um de nós sabermos e sentirmos a sensação da "saudade"...

Já lido com isso há anos, sei bem como é.

Grande beijo pra ti!