domingo, 6 de junho de 2010

[Des]controle....




Sentou-se no balanço,
Suas pernas caídas e tão distantes do chão,
Sensação de liberdade e ao mesmo tempo de medo.
Não ter o chão sob os pés nos dá a sensação de que algo vai mal, que não temos controle.
Mas controle de que?
Das finanças no fim do mês?
Da hora de deitar e de acordar?
Sobre o que comer, o que vestir?

Controlar o que?

Se há tempos não há controle para nada, seja material ou não.

O "descontrole" do amor é tão bom...
Afável,
Doce e terno,

Mas ele não é para todo mundo.....

Por Tempestade

7 comentários:

Fernanda disse...

Huuum, pode me contar tudo. U___U
TUDO

Ava disse...

Gostei muito do teu post Tempestade. Agarramos-nos a essa falsa sensação de que controlamos alguma coisa para nos sentirmos seguros e de nada serve...

Beijinhos doces, Ava.

Tatiane Trajano disse...

Sabe de uma coisa?
Estou adorando viver esse descontrole..

Katy disse...

Concordo...o descontrole/amor não é para qualquer um....

Eu fico com o descontrole....o amor tem passado longe....rsrs...

Ótima semana!
Beijos.

Vanessa disse...

Tens toda a razão. Até os mais controlados e controladores precisam se render ao descontrole do amor. :-)

bjs

Nany C. disse...

Miga,... faz tempo que não me descontrolo...(rsrsrs)

Saudades...(nem precisava dizer, né?!)

Beijos no teu coração!!!
Uma linda semana cheia de coisas boas!

Lunna Guedes disse...

Carissima, o balanço do amor é pra todo mundo sim, mas é que talvez nem todos aprendam a se deixar levar. Lembre-se que no balanço é preciso dar impulso ou ter mãos nos empurrando... Bacio