quinta-feira, 22 de abril de 2010

Vazio...


E hoje não há tristeza,
Não há alegria,
Não há nada.
Somente o vazio....

9 comentários:

myra disse...

sim, e eu estou igual...beijos e saudades,

IsaBella disse...

Espero que essa maré de tristeza saia daí, viu??!?
:)
adoro ver vc feliz... rindo... ^^
beijinhussssssssssss

Mahria disse...

Vai passar. Eu sei que vai...

Bjo
Mah

Francy´s Oliva disse...

É a momentos em que o vazio se faz presente.
Bjs, um ótimo final de semana.

Espaço Aberto disse...

Preenche o vazio de alegria...
Dê um sorriso valente...d~e dois, três sorrisos ou quanto forem necessários para que se preencha alma...vou deixar um convite...

Para iniciarmos as postagens e tornar o nosso blog mais conhecido, nossa primeira interação com os amigos será uma Postagem Coletiva. Venha participar!

Para participar é super fácil.
Basta deixar um comentário dizendo que irá participar e no dia 30 fazer a sua postagem no seu blog. Você vai ter um link em nosso blog com o número da inscrição de seu blog para o sorteio do livro e para receber a visita dos outros participantes.
Boa sorte!!!

Um abraço na alma...bjo

Espaço Aberto disse...

Claro que sim...eu também vou...rsrs
Depois confirma lá sua presença por causa do sorteio...

Agradecemos a sua adesão a Postagem Coletiva!
No dia, você vai ter um link em nosso blog com o número da inscrição de seu blog para o sorteio do livro e para receber a visita dos outros participantes.
Boa sorte!!!

Lunna Guedes disse...

Se há o vazio é porque alguma coisa de fato há. Bacio carissima

Abdoul Hakime Goul Djounoubi disse...

Nunca digas coisa tal
pois a vida jamais é vazia.
Sempre é cheia de coisas
E há vida em cada dia.

Beijos, amiga. desculpa as minhas ausências. Mas és muito querida neste teu blogue, que admiro muito. Já estás em minha lista de blogues há tempos, e isto deixa meu espaço mais interessante com toda a certeza. Te admiro. Até mais et au revoir ma douce amie!

Daniel Savio disse...

Mas então não é melhor deixar algo para ocupar este vazio...

Fique com Deus, menina Tempestade.
Um abraço.