domingo, 21 de fevereiro de 2010

Qual a distância?

Há algum tempo, uns dois meses eu acho, recebi comentários que por usar a moderação não publiquei. Devido ao conteúdo desses comentários, eis o post abaixo.



Qual a distância que separa você da próxima pessoa?

Segundo a Teoria dos seis graus de separação, como o próprio nome indica, são seis, e no mundo virtual, seis cliques. Mas há momentos que são muito menos que seis cliques, às vezes um ou no máximo dois, graças a super conectividade atual.


Redes sociais como o Orkut e o Facebook - mais recentemente - trabalham com essa lógica, de que o seu amigo é também meu amigo ou ainda um amigo seu é amigo do meu amigo e por aí vai. Na lógica das redes, eu mesma com poucos cliques conheci diversas pessoas que estavam mais próximas de mim do que eu poderia imaginar.


Certa vez na graduação conheci um rapaz pela internet e ele cursava veterinária na mesma universidade que eu, já conheci uma pessoa que trabalha no local onde trabalha a prima da minha colega de pós-graduação, e olha que é em outro estado do Brasil. Mais recentemente conheci um blogueiro que tem parentes no meu bairro e estamos em estados diferentes também. Isso nos mostra mais uma vez que a teoria dos seis graus de separação é mais comum do que se imaginava e ainda por cima com menos cliques possíveis.


Se não quisermos ser vistos não criemos o primeiro e-mail, não façamos um concurso ou finalizemos um curso de pós-graduação. Digite seu nome ou pseudônimo no Google e verá!



Estamos em rede!

11 comentários:

Daniel Savio disse...

Mas mesmo com tanta facilidade em de nos encontrar, nem sempre entendemos a outra pessoa como se deve...

Fique com Deus, menina Tempestade.
Um abraço.

Chica disse...

É verdade...Estamos em rede! beijos,lindo domingo,chica

Pulsar disse...

pura verdade, em alguns lugares basa nascer e ter um nome e sua foto já esta lá no berçario virtual.......

beijo grande moça

Katy disse...

Sim, estamos todos conectados, de alguma forma...
Todo cuidado é pouco e toda educação e respeito são bem vindos, sempre!!!

Ótimo domingo!
Beijos.

Dani disse...

Desde que sejam usados o mínimo de respeito e educação, necessários também no mundo real, não consigo ver coisas negativas. Fazer amigos é sempre bom e a internet nos possibilita conhecer pessoas diferentes, de lugares diferentes, com culturas diferentes. Eu adoro.

beijo rouge

Dani

Reyel Angel disse...

Já digitei meu nome, o que usava antes de Reyel, e fiquei horrorizada. Eu tinha o costume de me cadastrar em vários sites só p conhecer e depois abandonava, porém ficou tudo gravado nos buscadores. Para tirar tem q apagar cadastro e eu já tinha esquecido senha de alguns. Aff... Boa lição.
Bjos na alma.

Francy´s Oliva disse...

Bom mesmo em rede muitas vezes a distancia se torna maior, pelo menos para a alma...
Beijitus.

Elcio Tuiribepi disse...

É impressionante mesmo...quando menos esperamos estamos recebendo e-mail de alguem que nem imaginavamos...um comentário...uma mensagem no orkut..e tantas outras formas de comunicação pela internet...o mundo aqui acaba se tornando ainda menor...fica pequeno
Um abraço na alma...bjo

Cenourette disse...

Eunem lembro de onde te conheço,só sei que és minha amiga! *pensa*

Beijo!

Sanzinha disse...

Verdade!
Também penso assim... se não quer ser observado, não se exponha.
O povo é doido. Faz página em tudo quanto é canto e depois não quer que as pessoas vejam.
Andam com a melancia no pescoço, mas não querem que olhem para a melancia.

Vá entender!

Beijo!

Lunna Guedes disse...

E há aqueles que acham que podem simplesmente se esconder do resto do mundo. Ilusão interessante essa. rs
BEijos