segunda-feira, 9 de novembro de 2009

Noções...



Entre mim e mim, há vastidões bastantes
para a navegação dos meus desejos afligidos.


Descem pela água minhas naves revestidas de espelhos.
Cada lâmina arrisca um olhar, e investiga o elemento que
a atinge.


Mas, nesta aventura do sonho exposto à correnteza,
só recolho o gosto infinito das respostas que não se
encontram.


Virei-me sobre a minha própria existência, e contemplei-a
Minha virtude era esta errância por mares contraditórios,
e este abandono para além da felicidade e da beleza.


Ó meu Deus, isto é a minha alma:
qualquer coisa que flutua sobre este corpo efêmero e
precário,
como o vento largo do oceano sobre a areia passiva e
inúmera...

Cecília Meireles



*essa postagem faz parte do "Abres aspas" terceira edição, promovido pela Lunna do Teorias Impossíveis. Para conhecer os outros participantes, clique aqui.

13 comentários:

Sanzinha disse...

Cecília é sempre uma delícia a qualquer hora! ;)
Saudade de bater papo com a senhorita.
Preciso aparecer no msn.

Beijão e ótima semana!

Chica disse...

Sempre linda a poesia de Cecilia!beijos,tudo de bom,chica

myra disse...

esplendidas foto e palavras!
minha querida Tempestade, beijos

sumartins disse...

Cecília Meireles é fabulosa em cada um de seus versos, contos e canções... A alma dela escorre entre os olhos de quem lê cada poema...

"Permita que eu feche os meus olhos,
pois é muito longe e tão tarde!
Pensei que era apenas demora,
e cantando pus-me a esperar-te.
Permita que agora emudeça:
que me conforme em ser sozinha.
Há uma doce luz no silencio,e a dor é de origem divina.
Permita que eu volte o meu rosto para um céu maior que este mundo,
e aprenda a ser dócil no sonho como as estrelas no seu rumo"

(Cecília Meireles)

Parabéns pela blogagem!
Abraços

Nany C. disse...

Nossa... tem textos que entram na gente...

Adoro Cecília!
Beijos no coração, miga !!! Uma ótima semana, viu!rs

Sandra disse...

Cecilia Meireles eé Fantástica.
Gosto muito dos textos delas.
Parabéns.

Já estamos no blog uma interação de amigos com a participação na blogagem Coletiva de Abra Aspas.
http://sandrarandrade7.blogspot.com/
Te espero lá para comemorar este momento do amor!!!
Ele está no ar, no coração e na Vida.

que todos tenham hoje um momento cheio de amor e paz.
E viva esta momento poético.
Sandra

teoriasimpossiveis disse...

Cecília pra mim é segunda pele, suas palavras e suas obsessão pelo mar me seduzem...
Bjs carissima e grata pela sua participação. Adorei encontrar Cecília aqui...

A Madrasta Má disse...

Olá minha super querida tem presente para você neste link, caso queira participar, morda:

http://amadrastama.blogspot.com/2009/11/eu-revelo-merecia-ser-filmado.html

bjinhos da Madrasta!

Daniel disse...

Intenso e bem profundo isso.
Beijos

Luma Rosa disse...

Enquanto houver vida, há poesia! Viva a grande Cecília! Beijus,

Wania disse...

Cecília é tudo de bom!

Lindo post e bela participação!


Bjão, amiga
Tô saudade!!!!

Marco disse...

Como é bom ler Cecília logo pela manhã. Gosto muito dos versos dessa mulher, eu a descobri há pouco tempo, mas desde então tenho lido bastante. Excelente sua participação. Grande abraço

Nade disse...

Por que será que imaginei que encontraria Cecília aqui?
Não me pergunte, mas tinha quase 99,9% de certeza e eis que atinjo os 100%!
Quando estava concluindo meu TCC da graduação, há 5 anos atrás, para me distrair, lia muito Cecília...
Linda a homenagem que você fez!
Desculpa a demora em comentar... A vida está demais corrida.
A sua participação foi maravilhosa!
Bjs e bom domingo!