terça-feira, 29 de julho de 2008

Reticências...


Reticências



Às vezes eu imagino


que tenho alguém


perto de mim...


Alguém que eu amo


e que me quer também;


que olha nos meus olhos,


que pega no meu rosto,


alguém que sabe o gosto


que o meu coração tem...


Sabe, de vez em quando


a minha imaginação


trabalha tanto,


que chego a ver você!


Chego a sentir sua mão!


Vê?


Parece que você está aqui agora,


no entanto...


Mariza Fontes de Almeida