sexta-feira, 20 de janeiro de 2017

Desafio de leitura em 2017 - #12MESESDEPOE


Imagem retirada do blog da Anna Costa 



Passeando pelo Facebook ontem, encontrei uma postagem que falava sobre um desafio de leitura intitulado #12mesesdepoe. É simples, a proposta da Anna, em seu blog é passarmos o ano com Poe.

Confesso que sempre ouvi falar de Poe e sua fantástica escrita, mas até o momento não tive tempo/oportunidade/interesse em lê-lo, mas depois da postagem da Anna, me interessei.

Vou deixar aqui algumas informações e os links para o desafio: a postagem da Anna explicando direitinho o desafio, com o cronograma e tudo, você pode clicar aqui.


Corre lá gente e veja como participar, as discussões são mensais no grupo do Facebook e assim quem já conhece a escrita de Poe pode contribuir, e outras, que como eu, nunca leu, é uma boa oportunidade para começar no universo de Poe.

Bom desafio a todos e ótimas leituras!

#12mesesdePoe 

Por Letícia Alves 

domingo, 1 de janeiro de 2017

Mais um ano findou...

Imagem retirada da internet

Mais um ano findou.

E se repetem, os nossos balanços, as nossas metas, os nossos sonhos, as nossas crenças.
O ser humano precisa de rotina, a mínima pelo menos para seguir adiante.

Penso que cada dia que nos levantamos, é mais uma oportunidade que nos é concedida. Pode parecer clichê, mas é a verdade, quer queiramos ou não.
Mas nos últimos anos eu tenho preferido viver um dia após o outro, sem grandes sonhos, grandes metas, grandes planos. 

Digo isso, por que sempre me lembro de um versículo que escutava quando menina:

"Portanto, não se preocupem com o amanhã, pois o amanhã trará as suas próprias preocupações. Basta a cada dia o seu próprio mal." Mateus 6:34

Então sigo esse versículo, e confesso, depois disso, tenho estado menos ansiosa, e mais feliz. É um aprendizado, e cada um saber o que é melhor para si, e qual é o seu momento.

Foi um ano difícil? Para mim pessoalmente, foi sim. Mas cada coisa que nos acontece seja ruim ou boa, tem um valor para nossa existência, maturidade e crescimento.

Por isso, digo que foi mais um ano desses, nos quais você cai, você levanta, você chora, você ri, você sonha, você crê, mas um dia de cada vez.

Feliz Ano Novo para todos nós!


Por Letícia Alves